Cadastra-se e receba ofertas exclusivas para Servidores Federais | Política de Privacidade

Consórcios

Consórcio Automóvel

Vantagens e benefícios
Consórcio Automóvel:

• Créditos de R$ 18 mil a R$ 106 mil;

• Parcelas a partir de R$ 344,18 sem juros;

• Até 80 meses para pagar;

• Contemplações mensais por meio de lance ou sorteio;

• Lance embutido.

Simule Grátis

Consórcio Imóvel

Vantagens e benefícios
Consórcio Imóvel:

• Parcelas a partir de R$ 346,81 sem juros;

• Prazos de até 200 meses para pagar;

• Créditos entre R$ 55 mil e R$ 500 mil;

• Você não paga juros e pode usar o FGTS;

• Conteplações mensais por sorteio ou lance.

Simule Grátis

Consórcios

Como Funciona o Sistema de Consórcios

O Sistema de Consórcios é modalidade de acesso ao mercado de consumo baseado na união de pessoas físicas ou jurídicas, em grupo fechado, cuja finalidade é formar poupança comum destinada a aquisição de bens móveis e imóveis, por meio de autofinanciamento. Portanto, consórcio é a arte de poupar em grupo. Se você não precisa de imediato de um determinado bem e se puder aplicar parte de sua renda, aquela que não será utilizada como despesa, você tem o perfil de um poupador e portanto, de um consorciado. O Banco Central do Brasil, de acordo com a Lei nº 11.795/2008, é a autoridade que regula controla e fiscaliza as empresas Administradoras de Consórcio.

Contemplação

Sorteio – a contemplação por essa modalidade reflete a própria essência do Consórcio, de vez que todo consorciado ativo em dia com o pagamento de suas contribuições e o consorciado excluído concorrem em absoluta igualdade de condições.

Lance – após a realização do sorteio, será admitida a contemplação mediante o oferecimento de lance pelos consorciados ativos. Os critérios para oferta e desempate de lances serão definidos em contrato.

O contrato de participação em grupo de consórcio criará vínculos entre os consorciados, e destes com a administradora, para proporcionar a todos igual condição de acesso ao mercado de consumo de bens. Portanto, antes de assinar o contrato, leia-o atentamente para conhecer seus direitos e obrigações.

Fonte: ABAC – Associação Brasileira das Administradoras de Consórcios

Lei do Consórcio – Nova Lei nº 11.795

Conheça as principais alterações das nova lei dos consórcios nº 11.795/08 que entrou em vigor em 06/02/09 complementada pela circular 3.432 divulgada em 04/02/09 pelo Banco Central do Brasil. Esta nova regulamentação agregou vários benefícios para os consorciados. Seguem abaixo alguns tópicos das mudanças mais relevantes da nova lei:

Uso da Carta para quitação de financiamentos

Utilização do crédito, após a contemplação, para quitação total de financiamento em nome do próprio consorciado, tanto para o consórcio imobiliário, como para o de automóvel.

Uso da Carta de crédito para aquisição de imóvel na planta

O Consorciado contemplado, pode adquirir um imóvel vinculado a empreendimento imobiliário, desde que ofereça outro imóvel como garantia e respeite as demais condições descritas no Contrato de Adesão.

Saldo do crédito para quitação de despesas tributárias do bem adquirido

Uma grande vantagem para os consorciados, pois a Lei determina que, se o valor do bem for inferior ao valor do crédito, o saldo restante poderá ser utilizado para pagamento de despesas tributárias, como transferências de propriedade, tributos, registros cartoriais, instituições de registros e seguro, desde que o valor dessas despesas não ultrapasse o limite de 10% do valor total de crédito.

Limite para a compra de cotas

Fica limitado em 10%, a quantidade de cotas que um consorciado pode adquirir no mesmo grupo.

Mais rapidez para constituição do grupo

Para constituir o grupo não é mais necessário aguardar a adesão de no mínimo 70% de participantes. Basta que o grupo possua recursos suficientes para contemplar o bem de maior valor do grupo até a data da 1ª Assembleia Geral Ordinária.

Restituição de valores pagos por consorciados excluídos

Os consorciados excluídos, poderão ter seus valores pagos, a título de fundo comum, restituídos sem ter de esperar o encerramento do grupo. Para isso o consorciado concorrerá aos sorteios mensais nas assembleias